segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Eleições

Torcedor fiel da minha cidade, sou eleitor convicto de Gabeira. Pois eu, completando vinte e oito anos essa semana, não me lembro de uma campanha política marcada por tamanha coerência. Valeu Gabeira, você está dando um "show"!
Mas o que quero falar aqui é sobre um novo tipo de militante que Gabeira conseguiu criar dentro dos eleitores da nossa cidade. Chamo-os de Militantes da Moda. Essa "pseudo-militância" tem por objetivo usar o nome do candidato (GABEIRA43) para uma estranha autopromoção. Camisas, adesivos, mensagens em orkut, chancelam as pessoas a terem suas próprias personalidades ligadas à política, cultura, ecologia, e por aí vai. . .

Deixando claro que, na minha opnião, esse fenômeno é muito positivo para nossa cidade e para a vitória do nosso Gabeira.

Mas, como GABEIRA43 tem seus dias contados, sugiro uma personalidade atemporal para ocupar esse lugar na vida dessas pessoas que mais parecem pastéis sem recheios.

Brasileiro polêmico, ecológico (amigo de onças, macacos, e qualquer animal selvagem que apareça), a favor dos cassinos e bordéis, da legalização da maconha (mas só em cachimbos), etc...



5 comentários:

FÁBIO GIL disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
FÁBIO GIL disse...

Cara, eu tb tô bolado com isso. Tá cheio de gente que chamava o Gabeira de velho, viado e maconheiro, afirmando que o cara é a solução pra cidade e pra nossa vida.

Não me parece que nenhum destes novos militantes esteja realmente tomando consciência sobre a importância do que o político sempre defendeu, mas sim, "comprando" o candidato que mais transmita modernidade, consciência ecológica, ética e outros conceitos que estas pessoas não tem, mas querem comprar.

É isso ai, irmão. Odorico neles.

Anônimo disse...

Ser Gabeira é ser Cult, é mais fácil para pegar mulher...O Rio é do Gabeira!

Imagina se essa moda pegasse na época do Enéias, aí eu queria ver pegar mulher...rsrsrs

Muito bom o post!

Anônimo disse...

Acho muito coerente o contrato com a cor lilás. Bem bacana a construção e conclusão do texto!

farturalight disse...

O Gabeira queria exatamente isso. A galera comprou. Muita gente Sprite que não sabe o mínimo de política, realmente quis se mostrar politizado. Mas achei legal pois foi um efeito de querer mudança, de se interessar pela evolução. Esse sentimento das pessoas irem às urnas com garra, convicção e vontade, é algo novo no Brasil. Que bom que o Rio viveu isso, apesar da derrota de Gabeira.